__________________________________Direitos autorais: Autorizada reprodução dos textos, desde que citada a fonte.

24 de mar de 2013

Você foi os meus melhores quatro dias


Lembro-me das suas gargalhadas e do seu sorriso.
De como faz charme quando quer alguma coisa.
Feito um chantagista dos mais cretinos.
Mimado. Todo manhoso e cheio de dengo.

Eu me lembro dos seus pés descalços na pequena casa.
De como se meche quando dorme, ocupando toda a cama.
Lembro-me dos momentos únicos que compartilhamos.
De como cuidou de mim cheio de jeito.

De como a cada piscar de olhos sorriamos como bobos um para o outro.
Do dia em que lavou meus cabelos e me trouxe comida na cama.
De como me acordou com quase meia hora de beijos.
De seus abraços pela manhã me apertando contra seu peito.

De seus olhos me encarando cheio de desejos.
Da sua respiração ofegante ao sussurrar em meu ouvido.
Fazendo-me ser tua menina, tua mulher, tua vida.
E do quanto tudo aquilo foi perfeito.

Eu me lembro... Era eu ali contigo, sei o que vivi e o que juntos dividimos.
...e foi real.

Aut. Loyanne Freire
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário