__________________________________Direitos autorais: Autorizada reprodução dos textos, desde que citada a fonte.

7 de abr de 2011

O Silêncio


Um silêncio perturbador que te mata, fere, machuca, e a faz pensar inúmeras coisas.
E quando se da conta, você percebe que esse silêncio vai continuar, e que por mais que queira alguma razão para tudo, será sempre em vão. Ele continuará em silencio, pois já sabe que o que fez não tem perdão, e que de nada iria adiantar uma explicação.
Demorei algum tempo para entender...
O silêncio enfim me mostrou que você realmente é aquele cara que conheci e que passei admirar aquele que pensei me amar.
Foi melhor assim!
Foi melhor conviver com esse silêncio perturbador.
Foi melhor não ter que te ouvir, você sabia de alguma maneira... Não me faria bem.
Sua voz que eu tanto amava ouvir dizer: - Te amo. Dessa vez seria ao contrario...

Um sonho bom, que sem final feliz... Acabou!

Obrigado por ter passado pela minha vida, ter feito parte de minha historia.

Valeu à pena!
“Decepção não mata. Ensina a viver!”

Aut. Loyanne Freire

4 comentários:

  1. Olá,
    O silêncio mais pertubador é o eco de um ponto final.
    Adorei o texto.
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Valeu Will, adoro seus coments.
    Gostei do que disse: "O silêncio mais pertubador é o eco de um ponto final."
    Mas, e quando não se tem ponto final, quando parecem apenas reticencias.
    Tenso.

    Beijos'

    ResponderExcluir
  3. Como sempre arrazando neh amiga. Lindo texto. As vezes esse silencio perturbador é a única coisa boa q nos resta.

    ResponderExcluir
  4. É... valeu a pena.
    A gente aprende com o tempo.
    E esse silêncio... Não que amenize... Mas vem ajudando.

    ResponderExcluir